Charmed Life, The Divine Comedy

Eu sempre gostei muitíssimo dessa música, mas achava que era uma música de amor. De muito muito amor, é verdade. Mas de um homem para uma mulher, pensava eu.
Quando estava grávida, um dia comecei a cantarolar e percebi uma coisa muito óbvia! (E confirmada pelo vídeo abaixo) Era uma música de um pai para um filho.



Acho que a letra é uma das letras mais lindas do mundo e acho engraçado que só tenha passado a fazer sentido para mim, nessa caminhada, enquanto estava grávida.
Desde que a minha filha nasceu canto essa música para ela dormir. E acho que essa letra é o desejo mais sincero que a gente pode ter para uma criança.












Investigando um pouquinho mais, fiquei com vontade de comprar o Colours are Brighter que tem uma música do Divine Comedy (e outras bandas mais) para crianças e renda revertida para a ONG Save the children. (Dica via blog da N- Magazine)

1 comentários:

André Maciel disse... [Responder comentário]

Só se vê a "beleza" de uma música de Reginaldo Rossi depois de levar a primeira gaia. Essa é a graça da música, associa-la a momentos.

Postar um comentário